Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

Previous Topic Next Topic
 
classic Classic list List threaded Threaded
11 messages Options
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

artur_fs_filho
Olá,

Desenvolvi um programa em PyQt para me auxiliar no trabalho e usei o meu note como plataforma de desenvolvimento(Um Celeron 1.4 com 7 anos de idade), uso o fedora 15 e usei o PyQt eo Python3.2 e como banco de dados o SQLite.
No meu note mesmo trabalhando com diversos registros consegui uma ótima performance mas no windows a performance foi muito inferior, mesmo a máquina sendo um Core2duo com dois núcleos e 2GB de Ram.
Alguém sabe de algum hack que eu tenha que fazer no windows para melhorar a performance?

Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

@maltzsama
Coloca Linux na Core2Duo tbm
:P

Demetrius Albuquerque
Linux & SO www.maltzsama.blogspot.com
<http://www.estacaodorock.com>


Em 30 de agosto de 2011 18:13, artur_fs_filho <[hidden email]>escreveu:

> **
>
>
> Olá,
>
> Desenvolvi um programa em PyQt para me auxiliar no trabalho e usei o meu
> note como plataforma de desenvolvimento(Um Celeron 1.4 com 7 anos de idade),
> uso o fedora 15 e usei o PyQt eo Python3.2 e como banco de dados o SQLite.
> No meu note mesmo trabalhando com diversos registros consegui uma ótima
> performance mas no windows a performance foi muito inferior, mesmo a máquina
> sendo um Core2duo com dois núcleos e 2GB de Ram.
> Alguém sabe de algum hack que eu tenha que fazer no windows para melhorar a
> performance?
>
>  
>


[As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]

Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

Leonardo Santagada
In reply to this post by artur_fs_filho
2011/8/30 artur_fs_filho <[hidden email]>:
> Alguém sabe de algum hack que eu tenha que fazer no windows para melhorar a performance?

Qual windows, se é o windows 7 eu recomendo configurar a maquina
direito, se é o xp eu recomendo instalar o windows 7 :)


--
Leonardo Santagada
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

l00p1ng
In reply to this post by artur_fs_filho
Artur, Boa noite.
   Existe uma diferença TREMENDA nos dois sistema no que se refere a: tratamento de arquivos, consumo de memoria, consumo de processador, swap de disco.

   No Windows existe uma premissa, se ele não esta utilizando 100% da maquina é por que a instalação a inda não foi concluída.
   o Windows tem sua base fundada em ser uma interface gráfica boa para o usuário final.
   O Linux sua base é um ambiente robusto e rápido.
   
   Esta diferença você senti no primeiro instante da instalação dos dois ambientes. No Linux ele pede para você particionar o disco com sessões diferentes para o tratamento diferente dedados: Swap,Sistema, Dados, Programas... No Windows é tudo uma coisa só ( nada de preocupação)

   No Windows não existe muitas configurações para melhorar  a performance de I/O, no máximo você pode incluir mais memoria, mais processador, e uma placa de vídeo mais potente.

   Todos os grandes distribuidores, recomendão  a utilização de ambiente unix para o tratamento de informação ( Exceto o SQL/Server ).


--- Em [hidden email], "artur_fs_filho" <phironx@...> escreveu
>
> Olá,
>
> Desenvolvi um programa em PyQt para me auxiliar no trabalho e usei o meu note como plataforma de desenvolvimento(Um Celeron 1.4 com 7 anos de idade), uso o fedora 15 e usei o PyQt eo Python3.2 e como banco de dados o SQLite.
> No meu note mesmo trabalhando com diversos registros consegui uma ótima performance mas no windows a performance foi muito inferior, mesmo a máquina sendo um Core2duo com dois núcleos e 2GB de Ram.
> Alguém sabe de algum hack que eu tenha que fazer no windows para melhorar a performance?
>


Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

Leonardo Santagada
2011/8/30 maxw_oliveira <[hidden email]>:
> Artur, Boa noite.
>   Existe uma diferença TREMENDA nos dois sistema no que se refere a: tratamento de arquivos, consumo de memoria, consumo de processador, swap de disco.

nahh, e existem diversos benchmarks q te provam errado, principalmente
comparando com o windows 7

>   No Windows existe uma premissa, se ele não esta utilizando 100% da maquina é por que a instalação a inda não foi concluída.
>   o Windows tem sua base fundada em ser uma interface gráfica boa para o usuário final.

Na verdade acho o maior defeito, o w7 não conseguiu evoluir com a
mesma velocidade do osx e hoje parece datado até comparado com o gnome
3.0/unity

>   O Linux sua base é um ambiente robusto e rápido.
>
>   Esta diferença você senti no primeiro instante da instalação dos dois ambientes. No Linux ele pede para você particionar o disco com sessões diferentes para o tratamento diferente dedados: Swap,Sistema, Dados, Programas... No Windows é tudo uma coisa só ( nada de preocupação)

Que é a maior bobagem do linux, se tu acha que esta ganhando em io
porque tem uma partição de swap, não poderia estar mais enganado. Pq o
linux não evoluiu nisso não quer dizer que seja uma feature, é só um
problema legado. Agora é claro, se tu tem um disco e/ou uma interface
(ainda mais com os novos SSD que conseguem saturar uma interface
sozinhos) só pra swap é outra história.

>
>   No Windows não existe muitas configurações para melhorar  a performance de I/O, no máximo você pode incluir mais memoria, mais processador, e uma placa de vídeo mais potente.

>   Todos os grandes distribuidores, recomendão  a utilização de ambiente unix para o tratamento de informação ( Exceto o SQL/Server ).

Isso é mais um fator histórico do que qualquer coisa, os bancos de
dados são bem mais otimizados para maquinas grandes, que geralmente
são unix.

Os unicos bons motivos de se usar linux é porque existe bem mais
informação aberta de como otimizar e ferramentas de qualidade para
manutenção de um servidor do que qualquer problema de performance num
windows moderno. Não é problema do windows é só uma caracteristica da
comunidade de desenolvedores. Agora um aplicativo python não deveria
rodar várias vezes mais rápido no linux, é provavelmente algum bug
dessa maquina windows em especial, ou de alguma das bibliotecas que tu
esta usando. Antigamente eu diria que é o driver da placa mãe e/ou
controladora ide, hoje em dia eu não consigo imaginar o que pode ser
(só uso o windows do mac para jogar).

A gente não usa linux porque é mais rápido (o ext4 é um pouquinho
melhor do q o ntfs, e o scheduler do linux é um pouquinho melhor do q
o windão) mas sim porque a gente confia, tem muito mais suporte na
comunidade, muito mais ferramenta de qualidade e aberta e porque tem
bem mais gente que sabe mexer direito (q eu conheço).


--
Leonardo Santagada
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

Leonel Freire
*Que é a maior bobagem do linux, se tu acha que esta ganhando em io
porque tem uma partição de swap, não poderia estar mais enganado. Pq o
linux não evoluiu nisso não quer dizer que seja uma feature, é só um
problema legado. Agora é claro, se tu tem um disco e/ou uma interface
(ainda mais com os novos SSD que conseguem saturar uma interface
sozinhos) só pra swap é outra história.

*Em relação à swap, pode até ser que não, agora em relação a poder
diversificar o disco com diferentes sistemas de arquivos, uma para cada
propósito, faz total diferença. Ex.: na minha distro (Arch), usar ext4 no
/var é um lixo, tanto para o pacman quanto para o MySQL (mesmo com
barrier=0) e o fato de eu poder utilizar o / com ext4 e o /var com ReiserFS
faz toda diferença, principalmente em testes de aplicações que utilizam o
BD.

Para quem tem alguma necessidade específica (manipular arquivos gigantes,
milhares de arquivos pequenos, snapshot, otimização para um certo BD etc), o
Linux permitir isso é uma grande vantagem.

Em 31 de agosto de 2011 00:16, Leonardo Santagada <[hidden email]>escreveu:

> **
>
>
> 2011/8/30 maxw_oliveira <[hidden email]>:
>
> > Artur, Boa noite.
> >   Existe uma diferença TREMENDA nos dois sistema no que se refere a:
> tratamento de arquivos, consumo de memoria, consumo de processador, swap de
> disco.
>
> nahh, e existem diversos benchmarks q te provam errado, principalmente
> comparando com o windows 7
>
>
> >   No Windows existe uma premissa, se ele não esta utilizando 100% da
> maquina é por que a instalação a inda não foi concluída.
> >   o Windows tem sua base fundada em ser uma interface gráfica boa para o
> usuário final.
>
> Na verdade acho o maior defeito, o w7 não conseguiu evoluir com a
> mesma velocidade do osx e hoje parece datado até comparado com o gnome
> 3.0/unity
>
>
> >   O Linux sua base é um ambiente robusto e rápido.
> >
> >   Esta diferença você senti no primeiro instante da instalação dos dois
> ambientes. No Linux ele pede para você particionar o disco com sessões
> diferentes para o tratamento diferente dedados: Swap,Sistema, Dados,
> Programas... No Windows é tudo uma coisa só ( nada de preocupação)
>
> Que é a maior bobagem do linux, se tu acha que esta ganhando em io
> porque tem uma partição de swap, não poderia estar mais enganado. Pq o
> linux não evoluiu nisso não quer dizer que seja uma feature, é só um
> problema legado. Agora é claro, se tu tem um disco e/ou uma interface
> (ainda mais com os novos SSD que conseguem saturar uma interface
> sozinhos) só pra swap é outra história.
>
>
> >
> >   No Windows não existe muitas configurações para melhorar  a performance
> de I/O, no máximo você pode incluir mais memoria, mais processador, e uma
> placa de vídeo mais potente.
>
> >   Todos os grandes distribuidores, recomendão  a utilização de ambiente
> unix para o tratamento de informação ( Exceto o SQL/Server ).
>
> Isso é mais um fator histórico do que qualquer coisa, os bancos de
> dados são bem mais otimizados para maquinas grandes, que geralmente
> são unix.
>
> Os unicos bons motivos de se usar linux é porque existe bem mais
> informação aberta de como otimizar e ferramentas de qualidade para
> manutenção de um servidor do que qualquer problema de performance num
> windows moderno. Não é problema do windows é só uma caracteristica da
> comunidade de desenolvedores. Agora um aplicativo python não deveria
> rodar várias vezes mais rápido no linux, é provavelmente algum bug
> dessa maquina windows em especial, ou de alguma das bibliotecas que tu
> esta usando. Antigamente eu diria que é o driver da placa mãe e/ou
> controladora ide, hoje em dia eu não consigo imaginar o que pode ser
> (só uso o windows do mac para jogar).
>
> A gente não usa linux porque é mais rápido (o ext4 é um pouquinho
> melhor do q o ntfs, e o scheduler do linux é um pouquinho melhor do q
> o windão) mas sim porque a gente confia, tem muito mais suporte na
> comunidade, muito mais ferramenta de qualidade e aberta e porque tem
> bem mais gente que sabe mexer direito (q eu conheço).
>
> --
> Leonardo Santagada
>
>  
>



--
Leonel Freire


[As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]



------------------------------------

Python-Brasil
http://www.python.org.br/wiki/AntesDePerguntar
Links do Yahoo! Grupos

<*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
    http://br.groups.yahoo.com/group/python-brasil/

<*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
    [hidden email]

<*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
    http://br.yahoo.com/info/utos.html


Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

artur_fs_filho
In reply to this post by @maltzsama
Infelizmente isso não é uma opção, no trabalho as máquinas estão todas licenciadas com Windows XP e se torna impossível colocar outro sistema operacional, mesmo porquê eu não sou o único usuário delas.
Eu acredito que o problema é no python e ou no PyQt mesmo porque na minha experiência de vida o windows sempre teve uma performance geral melhor que o linux, o fato de eu usar linux é devido a outros fatores.
Mudar o disco, sistema operacional ou alterar qualquer coisa na máquina está fora de cogitação, será que existe alguma otimização no código que eu deva fazer?

--- Em [hidden email], demetrius albuquerque <causbla@...> escreveu
>
> Coloca Linux na Core2Duo tbm
> :P
>
> Demetrius Albuquerque
> Linux & SO www.maltzsama.blogspot.com
> <http://www.estacaodorock.com>
>
>


Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

Leonardo Santagada
2011/8/31 artur_fs_filho <[hidden email]>:
> Mudar o disco, sistema operacional ou alterar qualquer coisa na máquina está fora de cogitação, será que existe alguma otimização no código que eu deva fazer?

Provavelmente tentar conseguir um pyqt/qt mais apropriado. O windows
xp é muito velho e não é mais ativamente suportado pela maioria dos
projetos open source (o python é uma excessão).

--
Leonardo Santagada
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

Leonardo Santagada
In reply to this post by Leonel Freire
2011/8/31 Leonel Freire <[hidden email]>:

> *Em relação à swap, pode até ser que não, agora em relação a poder
> diversificar o disco com diferentes sistemas de arquivos, uma para cada
> propósito, faz total diferença. Ex.: na minha distro (Arch), usar ext4 no
> /var é um lixo, tanto para o pacman quanto para o MySQL (mesmo com
> barrier=0) e o fato de eu poder utilizar o / com ext4 e o /var com ReiserFS
> faz toda diferença, principalmente em testes de aplicações que utilizam o
> BD.
>
> Para quem tem alguma necessidade específica (manipular arquivos gigantes,
> milhares de arquivos pequenos, snapshot, otimização para um certo BD etc), o
> Linux permitir isso é uma grande vantagem.

Pra quem não sabe o windows também permite vários mount points talvez
até com sistemas de arquivos diferentes (sei que montando na mesma
unidade tipo um em c:\email e outro em c:\programas é algo que dá para
fazer com ntfs). O Oracle usa o próprio controle de disco (ou usava
até recentemente no linux) e o ReiserFS é um sistema de arquivo que o
inventor esta na cadeia e o desenvolvimento esta muito muito parado e
nenhuma empresa de distro séria usa ele mais. pra ter uma ideia a
melhor coisa para performance de sistema de arquivo no linux que é
desligar o atime é algo que é a norma no ntfs no windows (dá uns
10-20% de melhora de io no linux). Eu odeio falar mal de algo sem bons
motivos por isso que eu resolvi explicar aqui.


--
Leonardo Santagada
Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

Carlos Ribeiro
In reply to this post by Leonardo Santagada
2011/8/31 Leonardo Santagada <[hidden email]>

> 2011/8/31 artur_fs_filho <[hidden email]>:
> > Mudar o disco, sistema operacional ou alterar qualquer coisa na máquina
> está fora de cogitação, será que existe alguma otimização no código que eu
> deva fazer?
>
> Provavelmente tentar conseguir um pyqt/qt mais apropriado. O windows
> xp é muito velho e não é mais ativamente suportado pela maioria dos
> projetos open source (o python é uma excessão).
>

O XP não é suportado direito nem pela Microsoft mais. E por praticamente
NENHUM fornecedor de software pago também...

--
Carlos Ribeiro
Consultoria em Projetos
twitter: http://twitter.com/carribeiro
blog: http://rascunhosrotos.blogspot.com
mail: [hidden email]


[As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]

Reply | Threaded
Open this post in threaded view
|

Re: Re: Performance inferior de um Programa em PyQt no Windows e Linux

Carlos Ribeiro
In reply to this post by Leonardo Santagada
2011/8/31 Leonardo Santagada <[hidden email]>

> 2011/8/31 Leonel Freire <[hidden email]>:
> > *Em relação à swap, pode até ser que não, agora em relação a poder
> > diversificar o disco com diferentes sistemas de arquivos, uma para cada
> > propósito, faz total diferença. Ex.: na minha distro (Arch), usar ext4 no
> > /var é um lixo, tanto para o pacman quanto para o MySQL (mesmo com
> > barrier=0) e o fato de eu poder utilizar o / com ext4 e o /var com
> ReiserFS
> > faz toda diferença, principalmente em testes de aplicações que utilizam o
> > BD.
> >
> > Para quem tem alguma necessidade específica (manipular arquivos gigantes,
> > milhares de arquivos pequenos, snapshot, otimização para um certo BD
> etc), o
> > Linux permitir isso é uma grande vantagem.
>
> Pra quem não sabe o windows também permite vários mount points talvez
> até com sistemas de arquivos diferentes (sei que montando na mesma
> unidade tipo um em c:\email e outro em c:\programas é algo que dá para
> fazer com ntfs). O Oracle usa o próprio controle de disco (ou usava
> até recentemente no linux) e o ReiserFS é um sistema de arquivo que o
> inventor esta na cadeia e o desenvolvimento esta muito muito parado e
> nenhuma empresa de distro séria usa ele mais. pra ter uma ideia a
> melhor coisa para performance de sistema de arquivo no linux que é
> desligar o atime é algo que é a norma no ntfs no windows (dá uns
> 10-20% de melhora de io no linux). Eu odeio falar mal de algo sem bons
> motivos por isso que eu resolvi explicar aqui.
>

Feature por feature, o NTFS é um baita sistema de arquivos. O que mata é só
a falta de documentação.

--
Carlos Ribeiro
Consultoria em Projetos
twitter: http://twitter.com/carribeiro
blog: http://rascunhosrotos.blogspot.com
mail: [hidden email]


[As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]